sábado, 22 de setembro de 2012

É falso o papiro que descreve a vida terrena de Cristo



Nas últimas semanas jornais de todo o mundo divulgaram notícia sobre a existência de um papiro que revelaria o casamento de Jesus Cristo com Maria Madalena. Os principais meios de comunicação ocidentais repetiram a notícia plantada nos Estados Unidos como verdadeira, entretanto, trata-se de mais uma notícia mentirosa.
O professor Francis Watson da Universidade de Durham refutou a autenticidade do papiro que alegadamente continha pormenores da vida terrena de Jesus Cristo.
O professor britânico chegou à conclusão que o fragmento, que provocou uma grande discussão nos meios científicos, é uma falsificação e representa uma compilação de fragmentos do verdadeiro Evangelho segundo Tomás em língua copta.
Anteriormente, a professora Karen King da Universidade de Harvard afirmava que tinha descoberto novos dados sobre a vida de Cristo, incluindo o seu matrimônio com Maria Madalena.
Com base no estudo de um pequeno fragmento de papiro, contendo oito linhas e datado do século IV, ela tirou a conclusão que, não só Cristo existiu realmente, mas que também tinha família. King informou que o papiro lhe foi entregue por um desconhecido com um pedido para o traduzir.
Os governos dos Estados Unidos e Israel estão empenhados em uma guerra contra o islamismo para tentar justificar uma guerra ao Irã. A fabricação e divulgação de mais esta mentira sobre Jesus Cristo é parte do arsenal de hipocrisias destiladas pela mídia norte-americana – dominada pelo sionismo - para envenenar os povos e nações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário