terça-feira, 9 de abril de 2013

Arcebispo de Curitiba assina moção contra PEC que quer tirar poder de investigação do MP




O arcebispo Metropolitano de Curitiba, Dom Moacyr José Vitti, assinou na noite desta segunda-feira (8), moção contra a PEC 37, proposta de emenda à Constituição que pretende retirar do Ministério Público e de outras instituições o poder de realizar investigações criminais.

"De fato, a Igreja se preocupa muito com o bem do nosso povo. Tratando-se de assunto tão importante, queremos unir nossas forças para que essa proposta não seja aprovada", afirmou o arcebispo ao procurador-geral de Justiça, Gilberto Giacoia, que visitou Dom Moacyr acompanhado pelo presidente da Associação Paranaense do Ministério Público, Wanderlei Carvalho da Silva e pelo procurador de Justiça Ricardo Maranhão Sobrinho.

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) já havia se manifestado contra a proposta, em nota expedida em 6 de fevereiro, assinada por seu presidente, Dom Raymundo Damasceno Assis (Arcebispo de Aparecida), pelo vice, Dom José Belisário da Silva (Arcebispo de São Luís), e pelo secretário-geral, Dom Leonardo Ulrich Steiner (Bispo Auxiliar de Brasília).

A PEC 37 está para ser votada na Câmara Federal. A proposta foi aprovada em Comissão Especial da Câmara dos Deputados em 21 de novembro de 2012, por 14 votos a 2. No dia 21 de fevereiro deste ano, o deputado Arthur Lira apresentou ao Plenário da Câmara Federal pedido de inclusão da PEC 37 na ordem do dia, para que seja pautada e votada.

Acesse o hotsite sobre a PEC 37, elaborado pelo MP-PR, e confira informações e materiais diversos sobre o tema, incluindo exemplos de investigações no Paraná que poderão ser prejudicadas com a aprovação da PEC.

Veja o site nacional sobre o tema:
http://brasilcontraaimpunidade.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário