sábado, 4 de janeiro de 2014

Praias de Santa Catarina estão contaminadas



A incompetência dos governantes de Santa Catarina está prejudicando o turismo no Estado. Grande parte das praias de Santa Catarina está contaminada por coliformes fecais, a exemplo de diversas praias do Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro e Nordeste.

A Fatma (Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina), órgão ambiental do Governo do Estado, divulgou neste sábado um alerta de contaminação do litoral catarinense, em consequência das fortes chuvas que atingiram a região na sexta-feira e madrugada deste sábado (4), levando detritos das ruas e das estações de tratamento de esgoto para o mar. A recomendação das autoridades aos moradores e turistas é evitar o banho por 48 horas.

Segundo Haroldo Elias, gerente de Qualidade Ambiental da Fatma, o alerta vale para todo litoral porque a praias estão com superpopulação em virtude do veraneio. As áreas de maior risco são aquelas próximas à foz dos rios e das estações de tratamento de esgotos que transbordaram.

Elias afirmou que a chuva forte nas praias mais procuradas por banhistas provocou lavagem das ruas e também arrastou o esgoto das ligações clandestinas para o mar.

Em dezembro, a Fatma monitorou 200 pontos do litoral. Deles, 55 foram considerados impróprios. Nas 66 praias de Florianópolis, 17 pontos também estão impróprios. Ao meio-dia deste sábado continuava chovendo no litoral.

Nenhum comentário:

Postar um comentário