terça-feira, 12 de agosto de 2014

"Senador do Pedágio” não empolga Paraná


A pesquisa Veritá divulgada hoje mostrou um sonoro não da população paranaense ao candidato de Roberto Requião (PMDB) ao Senado, o empresário Marcelo Almeida (PMDB). Dono de duas concessionárias de pedágio, Almeida tem 1,9% das intenções de voto, atrás até do Professor Piva (Psol), com 2%. Marcelo Almeida é o candidato mais rico do Brasil, com R$ 740 milhões declarados ao TRE. Apesar de fazer dupla com Requião, a empresa dele, a CR Almeida, já doou R$ 950 mil para a campanha de Gleisi Hoffmann (PT).

O senador Alvaro Dias (PSDB), da chapa do governador Beto Richa (PSDB), lidera a corrida ao Senado, com 57,2% dos votos. Em segundo lugar está Ricardo Gomyde (PCdoB), parceiro de Gleisi, com 3,3%. Somados, os candidatos Adilson Silva (PRTB), Luiz Bárbara (PTC) e Evandro Castagna (PSTU) não têm 1% dos votos na sondagem. "Não sabe ou não respondeu" somam 17,2%. Brancos e nulos somam 16,7%. De acordo com o registro PR-00007/2014, na Justiça Eleitoral, o Instituto Veritá entrevistou 2.302 eleitores entre os dias 5 e 9 de agosto ao custo de R$ 93 mil (recursos próprios). A margem de erro é de 2,05% para mais ou para menos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário